Conheça a riqueza dos tecidos indianos

por Leticia Sales Abril 18, 2018 2 Comentários

Conheça a riqueza dos tecidos indianos

A Índia é um país com mais de um bilhão de habitantes e é o sétimo maior do mundo em extensão territorial. Toda essa grandeza se converte em uma incrível diversidade de línguas, etnias, religiões, temperos, tradições e costumes. Cada região tem a sua particularidade, mas um dos produtos mais conhecidos do país são os tecidos indianos.

A preocupação com a beleza, a criação de cores, estampas, padrões, bordados coloridos, sofisticação, a valorização do trabalho artesanal, o uso de matérias-primas tradicionais e a manutenção de técnicas milenares que são transmitidas de geração em geração. Essas são algumas características do país, que faz esse trabalho com tecidos ser tão especial.

Ficou com vontade de conhecer a riqueza dos tecidos indianos? Separamos, neste texto, alguns exemplos para você se encantar.

Sedas do sul da Índia

Conheça a riqueza dos tecidos indianos

Vários tipos diferentes de seda são confeccionados em toda a extensão da Índia. Mas a cidade de Mysore, no sul indiano, é uma das maiores produtoras de seda do país. É com a seda pura de Mysore que são fabricados artesanalmente os sofisticados sarees, roupa típica das mulheres indianas.

A Kanjeevaram também produzida em uma cidade do sul indiano chamada Kanchipuram, é uma das sedas mais caras da Índia. Os sarees feitos com a Kanjeevaram são famosos pelo brilho do tecido, que é trabalhado com zari, um fio dourado, que nessa região é um dos poucos ainda fabricados com ouro.

Bordados feitos à mão

Conheça a riqueza dos tecidos indianos

Os bordados artesanais são parte importante da cultura da Índia. Cada região do país tem o seu bordado único, fabricado com diferentes técnicas, cores, padrões e materiais. Os bordados do noroeste indiano, por exemplo, são encontrados nos sapatos e bolsas da Happee.

A Shisha ou “bordado com espelhos”, é um bordado colorido produzido em alguns estados do noroeste indiano, entre eles o Gujarat. Outro exemplo é o Phulkari, no estado de Punjab, que é um bordado de motivos florais. No Phulkari, os pontos são trabalhados no avesso do tecido, para que o desenho se forme na frente.

Lãs indianas

Conheça a riqueza dos tecidos indianos

Existem outros tecidos indianos conhecidos em todo o mundo. Os xales de Kullu, por exemplo, no estado de Himachal Pradesh, são tecidos à mão com lã de iaque ou ovelhas locais. Apresentam desenhos geométricos ou florais e cores brilhantes. São peças muito valorizadas e caras, e há muita procura por elas em outros estados da Índia e no exterior.

Mas é na região de Jammu e Caxemira, no extremo norte da Índia, que é produzida a autêntica Pashmina, tecido famoso pela beleza, sofisticação e incrível maciez. Ele é fabricado a partir de um tipo específico de lã de caxemira, uma fibra leve, fina e quente da cabra Chanthangi, encontrada nos Himalaias. Esse é um tecido caro, luxuoso e único.

Não é à toa que os tecidos indianos são reconhecidos em todo o mundo. Afinal, características como qualidade, sofisticação, beleza e singularidade própria daquilo que é feito à mão são raras em tempos de fast fashion. Além disso, é incrível a diversidade de técnicas encontradas do norte ao sul do país e o valor que a tradição dos tecidos tem em cada comunidade.

A Happee aposta na exclusividade dos produtos artesanais e, ao mesmo tempo, no reconhecimento e valorização das pessoas que os fabricam. Quer nos conhecer melhor? Entre em contato com a gente!

Happee: acessórios feitos à mão na Índia




Leticia Sales
Leticia Sales

Autor



2 Respostas

Fernando
Fernando

Outubro 17, 2019

Gostaria de saber mais a respeito de como comprar . Sou confecção

Adelaine Costa Timóteo da luz
Adelaine Costa Timóteo da luz

Junho 06, 2019

Como faço pra comprar tecidos da índia com VCS,qual o procedimento

Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.